ARACAJU PASSA A CONTAR COM NOVO CENTRO DE GASTRONOMIAS DO SENAC

 Aracaju ganhou nesta quinta-feira (19) um novo Centro de Gastronomia do Sistema Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac/SE). A proposta é que as instalações contribuam para a rede de educação profissionalizante no estado, nas áreas da gastronomia e hotelaria.

 Com um investimento superior a R$ 13 milhões, o empreendimento possui uma perspectiva pedagógica, tendo laboratórios gastronômicos e cozinhas para experiência prática, além das inéditas salas simuladas de recepção e suítes de hotel.

 A solenidade contou com a presença de autoridades e do presidente do sistema Fecomércio-SE, Laércio Oliveira, que valorizou o engajamento da equipe do Senac na materialização de mais uma obra entregue em sua gestão e evidenciou a excelência dos serviços oferecidos no local.

 “Os nossos chefes de cozinha que irão se formar aqui poderão frequentar qualquer restaurante do mundo, pois os equipamentos e suporte pedagógico que terão à disposição têm o nível de qualificação das melhores cozinhas”, disse Laércio Oliveira.

 O Restaurante-Escola Senac Bistrô da nova instalação tem capacidade para receber 104 clientes e 130 alunos por turno, representando um aporte positivo na rede profissionalizante do estado.

 “Esse centro de gastronomia é fruto de investimentos destinados a possibilitar que muitos alunos se preparem para o mercado de trabalho, não só no segmento de gastronomia, mas também na hospitalidade da rede hoteleira. Iremos aumentar o leque de opções, nosso portfólio e o número de pessoas capacitadas que vão estar bem qualificadas para o mercado de trabalho”, disse a diretora regional do Senac/SE, Priscila Felizola.

 Para o prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, o centro vai fomentar a geração de emprego “É uma escola que irá formar profissionais em uma profissão tão importante que tem se expandido e que é fundamental para a geração de emprego e turismo, já que a gastronomia tem sido um polo de desenvolvimento muito importante não apenas aqui, mas em vários lugares do mundo”, afirmou.

 O edifício que sedia as instalações recebeu, como uma homenagem, o nome do empresário Manoel Aguiar Menezes Neto, superintendente do Grupo Samam falecido em fevereiro de 2021, aos 56 anos.

 

 

Comentários